Histórias de assombrações, fantasmas e espíritos

Histórias verdadeiras, fatos verídicos, experiências reais do além. Fantasmas, espíritos, assombrações? Nós também buscamos descobrir a verdade.
0

Histórias de medo no Rio de Janeiro

Balanço Geral RJ: veja as principais lendas urbanas que assustam cariocas.
0

Reportagem sobre almas penadas

Reportagem feita pela Record RJ. Confira fóruns de discussão na internet e vídeos sobre fantasmas. A ciência explica a razão das pessoas enxergarem supostas almas penadas?
0

Pessoas atormentadas por assombrações

8

Projeto Paranormal amanhã na Record no Programa Balanço Geral

Nesta segunda 28/10 na Record no Programa Balanço Geral do meio dia às 14:30h. Assistam!
0

Aparições no Teatro Municipal de Bebedouro


Sótão do teatro onde até hoje ainda tem nas paredes dedicatórias nas paredes feitas pelos atores da época



Locais onde foram avistadas aparições fantasmagóricas:



Teatro de Bebedouro em sua forma original:


Teatro de Bebedouro em sua forma atual:


Um teatro centenário narra  em sua história barulho do piano sendo arrastado pelo palco ouvido por pessoas diferentes em momentos diferentes, atores declarando ter avistado um senhor baixinho, de chapéu no canto do palco, o barulho de passos de um senhor que arrasta uma das pernas porque era manco, pessoa no fundo da plateia que constantemente fica em pé parada, observando. Fenômenos similares narrados por diversas pessoas, em diferentes momentos no mesmo teatro. Muito interessante!

José Mojica (Zé do Caixão) e Flavio Lopes, diretor do teatro.

Assista aqui abaixo a entrevista que Flavio Lopes deu no Encontro com Fátima Bernardes dia 03/09/13:


0

Hospital psiquiátrico nos EUA oferece visitas para os "caça aos fantasmas"

Há quem diga que o Asilo de Lunáticos Trans-Allegheny é um centro de atividades paranormais


Construído entre 1858 e 1881 para acomodar 250 pacientes, o Hospital Psiquiátrico de Weston fechou as portas em 1994


Eu costumava acreditar que todo mundo tinha uma história de fantasmas para contar. A melhor amiga da minha mãe sempre falava sobre um soldado que ela conheceu quando era contadora na Força Aérea dos Estados Unidos. Ele afirmava que era um fantasma e provava o que dizia ao andar em meio à pista de pouso iluminada pela luz da lua, desaparecendo em frente aos seus olhos. Outra amiga da minha mãe costumava trazer um tabuleiro de Ouija quando cuidava de mim. À medida que o indicador de plástico passava pelo tabuleiro, ela falava sobre as mensagens que o mundo espiritual enviava regularmente para ela. A culpa é das amigas da minha mãe, pois desde que me conheço por gente procuro desesperadamente por uma história de fantasmas que eu possa contar. 

Foi assim que acabei escutando barulhos suspeitos no meio da noite no Asilo de Lunáticos Trans-Allegheny, em Weston, West Virginia. Há quem diga que o edifício é um centro de atividades paranormais e é fácil entender por quê. Construído entre 1858 e 1881 para acomodar 250 pacientes, ele chegou a abrigar 10 vezes mais pessoas nos anos 1950. Era um bando de gente desligada do mundo, não apenas porque estavam em um hospital psiquiátrico, mas porque muitos haviam sido agredidos por pacientes violentos e alguns deles chegaram até mesmo a morrer.

Greg Graham, o Cabeça de Cobre (esq.), guia grupo durante visita ao local no meio da noite. Foto: Jeff Swensen/NYTNS

Às 2h da manhã eu estava ficando sonolento e minhas esperanças de me encontrar com um espírito de verdade já estavam desaparecendo. Agora o Cabeça de Cobre deveria nos levar à sala de recuperação da ala de lobotomia. Ele nos encaminhou por uma série de corredores, até chegarmos a um lance de escadas atrás de uma porta enferrujada que estava trancada. Quando entramos na sala, liguei minha lanterna e iluminei a tinta que se desprendia do teto em flocos do tamanho de pratos, além do vidro quebrado espalhado sobre o chão. Embora o único fantasma que eu tenha notado no quarto tenha sido o Fantasma do Amianto Passado, atendi às objeções de Thomas e fomos para um corredor que nos levava a uma série de câmaras de isolamento.

Assim que montamos a barraca, ouvimos um som estranho que vinha de uma parte distante do asilo – como se alguma coisa pesada fosse arrastada pelo chão. Thomas se levantou e perguntou se eu também havia escutado. No início, disse para ele que o som estava vindo da área sem fantasmas, que não era muito longe dali. Então, porém, escutamos de novo e, dessa vez, tínhamos certeza de que o som vinha do espaço onde ficava a porta enferrujada que levava à área da lobotomia. Quando ouvimos o som pela terceira vez, mais alto que antes, Thomas saiu correndo.

Ele voltou para onde o Cabeça de Cobre estava. Nós três caminhamos em silêncio por uma série de quartos com nossas lanternas e alguns deles ainda exibiam o velho equipamento do hospital e grades nas janelas, até que entramos em uma sala que estava coberta de materiais para o telhado. O Cabeça de Cobre pisou com a bota em uma das placas e escutamos o mesmo som. Estávamos na área proibida do asilo, o que significa que o som que ouvimos só podia ter vindo do além.

Todavia, Thomas não queria especular. Ele arrumou as coisas e foi para o carro que havíamos alugado, se negando a voltar para dentro. Acabei indo para o carro também e, enquanto íamos embora, olhei para as luzes fracas do asilo e pensei em todas as pessoas que conhecia e que tinham uma história de fantasmas para contar. Se eu fosse capaz de acreditar, finalmente teria a minha história.


0

"Vampira" que roubava crianças no século XVIII

Mais um vídeo da série de matérias feitas pelo Geraldo Luís da TV Record, programa Balanço Geral. Desta  vez, Geraldo investiga "vampira" que roubava crianças no século XVIII

O casarão onde vivia a mulher e dizem que é mal assombrado, foi invadido pela equipe do Balanço Geral SP. Geraldo Luís mostra os mistérios desse lugar. Confira no vídeo!


 
2

Espíritos na foto sobre o Túnel da Morte com Geraldo Luís do Programa Balanço Geral

Assista aqui reportagem sobre o Túnel da morte onde em uma foto tirada aparecem imagens impressionantes.


0

Entrevista do Blog Projeto Paranormal Oficial no Programa "Freud Explica"


Parte 1

 

Parte 2

 
0

O blog Projeto Paranormal Oficial e História de Fantasma na Globo


O Projeto Paranormal Oficial e o Blog História de Fantasma foi entrevistado na Globo em Setembro/2013 no Encontro com Fátima Bernardes.

Pra assistir, clique aqui e veja a entrevista dada por Mari Rocha. Nessa entrevista, Flavio Lopes, diretor do Teatro de Bebedouro onde o grupo esteve pesquisando os fenômenos sobrenaturais ocorridos lá, também deu seu rico depoimento com várias histórias reais. Fotos dessa visita ao teatro e as histórias aparecerão em outra matéria aqui no blog.

Flavio Lopes, Fátima Bernardes e Mari Rocha


 Maristela Roman (Mari Rocha) e Fátima Bernardes

 Com a atriz Suzana Pires




Com Rafael da Produção do programa. Ele mesmo teve sua experiência: contou que certa vez, em meio a um dia cheio de atribulações em um dos programas, em meio ao desespero por não achar uma saída pra resolver um problema de última hora, dentro do estúdio, no meio de quase 30 pessoas que ali estavam pra formar a plateia, surgiu uma senhorinha, destoando das demais pessoas que ali estavam, que veio e disse que sabia que ele estava nervoso, preocupado e desesperado, mas que se acalmasse que tudo ficaria bem e que ele era uma pessoa muito amada e abençoada. Enfim, o acalmou. Ele emocionado a abraçou e agradeceu, e continuou seu trabalho. Dali a pouco ele a procutou novamente. Nada de encontrá-la dentro do estúdio. A descreveu pra outras pessoas, mas ninguém a viu. 


                                         Mari Rocha e Dr. Fernando Gomes Pinto

Nela também participou um neurocirurgião de SP, o Dr. Fernando Gomes Pinto (foto acima) que ele mesmo contou emocionado à Mari aqui do blog, experiências espirituais interessantíssimas que ele mesmo experimentou durante a cirurgia de uma criança de 2 anos quando avistou um índio de seu lado, orientando-o na cirurgia que por "milagre" deu certo. Na entrevista ele admite sobre os fenômenos espirituais como a psicografia. Saiba mais clicando aqui


O próprio ator Ricardo Tozzi (acima) contou uma experiência interessante. Assista ele mesmo contando a história clicando aqui.



0

Casa de Olivia Newton-John está assombrada

Olivia Newton-John, protagonista de «Grease», de 64 anos, descobriu que a sua mansão tinha sido palco de um suicídio e, para libertá-la do espírito da vítima, chamou um exorcista.

Juntamente com o seu marido, John Easterling, de 61 anos, e com dois amigos, Olivia acompanhou o processo de «limpeza espiritual» da sua mansão, levado a cabo por um padre católico, e que passou por enunciar orações em voz alta e salpicar água benta pelas diversas divisões da casa.
Christopher Pariseleti pôs termo à vida com um tiro na cabeça. Era um empreiteiro de 41 anos, pai de dois filhos.
Segundo a imprensa norte-americana, a vítima terá decido o suicídio ao ver-se numa situação financeira precária, fruto das profundas reformas que levou a cabo na mansão de Newton-John, e ao ter-lhe sido negado, pela cantora, um empréstimo para cobrir essas despesas.

2

Histórias reais - Parte 2

Histórias reais enviadas por nossos internautas.

Sara Gomes:

QUANDO ESTAVA GRAVIDA DA MINHA FILHA EU COMPREI UM BERÇO USADO,DESDE QUE O BERÇO CHEGOU EM CASA EU OUVIA CHORO DE CRIANÇA E DEPOIS QUE MINHA FILHA NASCEU SUMIU MAIS ELA NÃO DORMIA SEMPRE CHORAVA DEPOIS DE TRES MESES NUMA MADRUGADA RESOLVI FAZER UMA ORAÇÃO ENTÃO ALGO DENTRO DE MIM DISSE QUE A CRIANÇA DONA DO BERÇO TINHA MORRIDO EU ABRI OS OLHOS E AVISTEI UM MENININHO DE UNS 2 ANOS ENTÃO FUI INVESTIGAR SOBRE O BERÇO E DESCOBRI QUE REALMENTE A CRIANÇA TINHA FALECIDO MESMO.
_______________________________________
Dennise Di Fonseca, Vale do Paraíba:

Quando criança em minha casa tinha um quadro que não me deixava nada à vontade... Nada de estranho em uma pintura de "matrona" segurando um bebê, não é? Desde que você não tenha a impressão de que o olhar da mulher te persegue pela sala... Minha mãe também não gostava nada do quadro, trazido por meu pai, não sei de onde. Ela dizia que realmente tinha vontade de jogá-lo fora ou pelo menos virá-lo de costas.
Também tinham outras coisas "erradas" com o quadro...: O sorriso da mulher era meio cínico, pior que o da Monalisa... E o bebê? Tinha algo que hoje me lembra o do bebê de "A Paixão de Cristo", do Mel Gibson... Ele também tinha o mesmo sorriso e, mesmo estando nú, não dava pra dizer se era menino ou menina, era algo "indefinido".
E o pior... Um dia um pastor amigo nosso nos visitou e logo que entrou na sala viu o quadro e balançou a cabeça, negativamente... Nos contou a história do "Menino da Lágrima", quadro famoso de Bragolin.

Mas o que tem a ver esse quadro com o que tinha em minha casa?

Então, o pastor nos contou que Vicente Roso era uma espécie de "seguidor" de Bragolin, sendo seus quadros da mesma natureza satânica.

Com seus olhos treinados, o pastor logo viu algo a mais no quadro... A manta que cobria a nudez da mãe era na verdade vários demônios ocultos! Cada sombra que se formava no tecido era na verdade a face de um ser diabólico... Era nítido: olhos, boca, nariz e... muitas vezes chifres... Era claro e estava na nossa cara todos os dias! A nos observar!

Lógico que, revelado o lado oculto do quadro, ele foi destruido.
__________________________________________________
Sara Almeida Souza - A menina na escola:

Minha mãe conta uma história de quando ela tinha uns 13 anos. Ela estudava com uma menina chamada Fátima, se não me engano. A menina era estranha, muito pálida, e ninguém a via fora da escola. Um belo dia ela sumiu das aulas, e minha mãe junto com outra colega de classe resolveram ir na casa dela. Quando chegaram lá chamaram no portão e ninguém atendeu. Em seguida veio uma vizinha atendê-las. Elas perguntaram se morava uma menina chamada "Fátima" ali, e a vizinha respondeu que morava sim, mas há muito tempo atrás, pois ela e toda a família tinham morrido numa tragédia há muitos anos!!! E como explicar então as idas da menina a escola? Minha mãe não era a única que a via, todos na classe viam também.
E eu trabalhava numa fábrica, uma indústria muito antiga, com equipamentos bem velhos, as áreas muito escuras, e trabalhava de madrugada. Todos os funcionários falavam que havia fantasmas lá, principalmente de trabalhadores que morreram na própria fábrica. Numa noite eu estava manuseando uma máquina quando ouvi uma voz feminina chamar meu nome nitidamente. Eu cheguei a olhar pra trás procurando, mesmo sabendo que eu era a única mulher ali. Fiquei muito impressionada, mas depois de distraí com o trabalho, que era muito, e esqueci. Mas foi aterrorizante!!!

_____________________________________________
Henrique Raupp - Vídeo de fantasma na Faculdade:

Esse é um vídeo famoso aqui da minha cidade, Osório.


1

Suposta imagem de fantasma na BR 364

Duas fotos colocada na manhã desta terça-feira (10) na timeline do Facebook vem chamando a atenção da rede social. Segundo a pessoa que colocou se trata de registro de um suposto fantasma que teria cruzado a pista no trecho referente ao distrito de Jacy Paraná até Porto Velho (RO).
O registro foi feito de madrugada, de acordo com o texto de apresentação das fotos. Confira abaixo:
Mulher de branco aparece na BR 364



Um grupo de jovens registraram um vulto do que parece ser a mulher de branco na BR 364 quando voltavam para Porto Velho de uma festa na arena em Jacy Paraná.
Reparem na imagem parece que a mulher de branco está sem cabeça e vestida de noiva. Cuidado ao vir pela BR 364 de Jacy para PVH de madrugada!

0

A loira do banheiro - Maria Augusta de Guaratinguetá



Caso de Maria Augusta, de Guaratinguetá. Ela morreu em 1891 em Paris aos 25 anos, mas foi trazida para ser velada no casarão de seus pais, em Guará, que hoje é uma escola. Dizem que ela assombra o local e toca piano. Há ligações com as lendas da loira do banheiro e as histórias se misturam.

Saiba mais clicando aqui

0

Cantora Cher diz que fantasma do ex-marido a assombra

Cantora disse na internet que o fantasma de Sonny faz brincaderias com ela.

"Eu realmente acho que Sonny faz uma luz ir (na minha casa). Eu tenho um belo lustre que ele acende quando é impossível, quando não há energia", explicou a cantora.

Cher e Sonny foram casados entre 1964 e 1974. Os dois formaram uma das duplas pop mais famosas da década de 60, que acabou junto com o casamento. Mesmo após o divórcio, os dois continuaram grandes amigos e, após a morte de Sonny, a cantora lançou, em 1999, a famosa música "Believe", falando sobre os dois.


1

Fantasma de soldado da 1ª Guerra aparece em foto


Uma proprietária de uma loja na cidade de Fars, na Inglaterra, levou um susto após tirar uma fotografia em frente ao estabelecimento. Na imagem, refletida na vitrine da loja, aparece a visão de um homem usando uniforme britânico utilizado na 1ª Grande Guerra.

Alison Lambert, 41 anos, garante que tirou várias fotos ao longo dos anos no mesmo local e que sempre apareciam sombras e outras coisas, mas esta aparição a deixou realmente intrigada.



Foto do fantasma, à esquerda, e reprodução de imagem do soldado: mesma pessoa?

A mulher fez uma pesquisa e disse ter identificado o fantasma que aparece na foto: seria o soldado britânico de artilharia Friend Peel, que morreu em 26 de maio de 1915, quando lutava na 1ª Guerra Mundial.

Ela afirma que encontrou uma foto do soldado e que, ao notar a semelhança com o fantasma da vitrine, sua espinha "congelou". "Eu só consegui dizer 'meu Deus!'", conta.

O fotógrafo Colin Cook, que tirou o instantâneo, também está estarrecido. "Tiro milhares de fotos por aqui. Nesta foto, eu só pude olhar e dizer 'eu não sei o que é isso'", disse.

Este não é o primeiro incidente sobrenatural relatado por Alison. Durante anos, ela garantiu ver os fantasmas de John e Samuel Hollings, que eram os proprietários do prédio onde fica a loja da mulher por volta de 1800.




0

Site Terra elege os lugares mais assustadores do mundo

O jornal inglês The Telegraph reuniu locais que têm fama de mal-assombrados.

Filmes e histórias de terror assustam e divertem milhões de pessoas no mundo inteiro. Para aqueles que não se contentam com  a experiência dos livros e dos filmes, alguns destinos prometem um arrepio a mais.

Confira uma seleção dos lugares mais assustadores do planeta, feita pelo jornal inglês The Telegraph.

Para ler a matéria na íntegra e ver fotos, Clique aqui .

Seguidores